OK
Close

Ensinar por vocação

Opinião

José Renato Nalini | Secretário estadual de Educação - 12/09/2017-22:50:07 Atualizado em 12/09/2017-22:47:16

Ensinar é uma vocação inigualável. Na escala das profissões, o magistério merece estar à frente de todas as demais. O professor é quem desperta a infância para a complexidade, mas também para a beleza e a exuberância da vida. Um bom começo, nos anos iniciais da criança, é certeza de um futuro digno. Por isso a preocupação das pessoas de bem com a adequada formação do professor.
Nesse campo, uma excelente notícia - e o Brasil precisa de notícias boas! - é a criação da Faculdade Sesi de Educação. Ela se propõe a oferecer o que há de melhor e mais atualizado na formação e no aperfeiçoamento de profissionais da educação básica, exatamente a maior carência da escola brasileira.
Os cursos de graduação incluem licenciatura em Ciências Humanas - Geografia, História, Filosofia e Sociologia, em Ciências da Natureza - Física, Química e Biologia, em Linguagens - Português, Inglês e Arte e em Matemática. Além disso, manterá cursos de Pós-Graduação na esfera da especialização, de acordo com as exigências do MEC, a par de cursos de extensão e de aperfeiçoamento, oficinas e encontros de trabalho.
A promessa é de um novo paradigma na formação de professores para a educação básica, mediante formação por área do conhecimento, de maneira a assegurar domínio dos conteúdos e articulação de diferentes componentes curriculares.
A residência educacional é o estágio supervisionado desde o primeiro ano. Com ela, o futuro mestre aprende o que ensinar e como ensinar. Articular-se-á, de forma colaborativa, com uma das maiores e melhores redes de escola do Brasil, o sistema Sesi, mas também colaborará com escolas públicas e privadas de todo o Estado de São Paulo. Garantirá a empregabilidade, pois os professores formados pela Faculdade Sesi terão a oportunidade de atuar, logo que formados, como profissionais contratados pelas 167 escolas Sesi do Estado. Não se descuidará das novas tecnologias e inovações curriculares e esse compromisso tem o aval do responsável pela implementação da Faculdade Sesi de Educação, o prestigiado e experiente educador Cesar Callegari, que já foi secretário da Educação e que integra o Conselho Nacional de Educação como um de seus mais notáveis integrantes.